E por que ninguém viu isso antes?

Pesquisadores norte americanos como Ellen Langer e Robert Cialdini submeteram pessoas a pesquisas científicas sem que elas fossem informadas disso.

Dessa forma eles analisaram como se comporta o cérebro humano ao fazer escolhas.

Estou falando de investigações realizadas em instituições sérias e mundialmente reconhecidas, como a Universidade de Yale.

Os pesquisadores se propuseram a explicar o que acontece com a biologia humana, ao enfrentar situações que envolvem tomar uma decisão.

Eles chegaram a conclusão de que o comportamento estereotipado automático predomina em grande parte das ações humanas.

Sofremos o que se pode denominar popularmente como efeito manada…

Tomando ações e decisões em frações de segundos tendemos a seguir a maioria.

Por exemplo quando escolhemos o restaurante com fila de espera na porta.

É um processo inconsciente, mas poderoso.

Poucos sabem, mas nosso cérebro abre espaço para muitas outras ações e decisões diárias.

Desde que se aplique as técnicas certas é possível influenciar decisões de compra e consumo se utilizando dessa fragilidade.

Usando as palavras adequadas para cada situação...

Você pode entrar no cérebro de outra pessoa apenas conversando com ela.

E fazê-la confiar em você.

Pessoas que se utilizam dessas técnicas descobriram que…

Para viver no ambiente complexo e dinâmico dos dias de hoje o cérebro humano precisa de atalhos.

Não se pode querer reconhecer e analisar todos os aspectos e características de cada pessoa…
E nem acontecimento ou situação com que nos deparamos a cada dia.

Não dispomos de tempo e nem energia para tal.

É humanamente impossível analisar tudo e por isso decisões são tomadas em piloto automático.

Se você já tem uma pizzaria delivery de sua preferência...

Ao chegar em casa com fome é mais provável que ligue para ela e solicite uma entrega.

Ao invés de pesquisar novas opções na internet.

Por dois motivos: é mais prático pois você não precisará pensar a respeito…

E é confiável, pois você já fez isso antes e percebe que é mínimo o risco de sua compra vir errada.

Há ainda nosso instinto de sobrevivência, que nos manteve evoluindo como raça humana.

Nosso cérebro percebeu desde os primatas que precisávamos poupar energia para chegarmos vivos ao final do dia.

Havia sempre o risco de uma situação inesperada, e correr do perigo para dentro da caverna exigia energia.

O resultado disso é que até hoje nosso cérebro nos protege de desgastes extremos…

Isso explica inclusive porque ficar parado é mais confortável do que lutar e sair da zona de conforto.

Ou porque pessoas ousadas e corajosas tomam decisões que as levam mais longe do que as medrosas.

Está comprovado que a mente humana pauta suas decisões buscando uma dessas duas coisas:

Concordar com algo que lhe proporcione prazer ou rejeitar o que lhe fará sofrer.

Diante dessas informações, a série de pesquisas de laboratório com diferentes métodos científicos…
Mostrou que para poupar energia tendemos a decidir pelo que nos é mais confortável.

Com isso ficou claro que o cliente não quer raciocinar sobre o que você está oferecendo…

Ele inconscientemente busca de forma automática as respostas prontas.

Um experimento científico conhecido entre estudiosos de psicologia de consumo e neuromarketing…

Demonstrou como as pessoas tendem a obedecer às autoridades, mesmo que estas contradigam o bom-senso individual.

No final da Segunda Guerra Mundial, este estudo mostrou como pessoas aparentemente saudáveis e socialmente bem-ajustadas…

Puderam cometer nos campos de batalha ou fora deles, assassinato, tortura e outros abusos contra civis.

Duas salas de laboratórios da Universidade de Yale foram usados.

Um para o falso aluno, que era um ator sentado na falsa cadeira elétrica.

Em outro laboratório estava o falso professor (também ator), junto com o verdadeiro participante sendo analisado na pesquisa.

Ele detinha uma alavanca que acreditava ser o gerador de choque elétrico.

E nem imaginava estar cercado de atores.

Perguntas eram feitas ao ator sentado na falsa cadeira elétrica.

Perguntas de conhecimentos gerais eram feitas.

O participante deveria decidir entre acionar ou não a alavanca que dispararia choques na pessoa caso errasse as repostas.

A medida que o ator errava as respostas…

Aconteciam os choques e o ator sentado na cadeira simulava a dor.

Ele parecia estar sofrendo, mas ainda assim o participante descia a alavanca…

Apenas porque o professor dizia ser necessário fazer daquela forma.

Resultado:

65% (dois terços) dos participantes continuou até o mais alto nível de 450 volts;

E todos os participantes continuaram até 300 volts.

Isso aconteceu porque eles confiaram na figura do professor, estrategicamente posicionado como especialista no assunto.

E não questionaram a decisão de seguir dando choques em pessoas comuns.

Simplesmente porque alguém que supostamente exercia maior autoridade naquele ambiente, no caso o professor…

Ordenava que assim o fizessem.

Ou seja, ao invés de questionar e raciocinar sobre os argumentos do especialista…

Seus cérebros os levaram a decidir no automático...

Ignorando possíveis argumentos e se deixando levar pelo que seria menos trabalhoso.

Isso é pegar um atalho na hora de tomar decisões.

Foi se baseando nessa nossa capacidade de pegar os atalhos…

Que os americanos passaram a driblar o cérebro humano nas decisões de compra.

E ao invés de deixar o consumidor pensando…

Ofereceram atalhos para essa decisão se tornar a mais automática possível.

Dessa forma, grandes empresas com acesso às mais elaboradas pesquisas de neuromarketing e neurociência...

Descobriram que havia uma nova forma de se vender INFLUENCIANDO PESSOAS através das técnicas de PERSUASÃO.

E que há um conjunto de técnicas e códigos de comunicação persuasiva que funcionam muito bem…

Influenciando decisões favoráveis na hora de se vender algo.

Para você entender melhor…

O cérebro humano é dividido em dois sistemas.

Onde um é ativado pela razão e o outro pela emoção.

Quando você quer conquistar uma pessoa para ter um relacionamento com ela, por exemplo…

Você precisa ativar as emoções.

Isso explica porque pessoas apaixonadas fazem coisas das quais depois podem até se arrepender…

E reconhecem não terem usado a razão, porque foram “levadas” pela emoção.

É porque o processo químico liberado pela emoção abafa a voz da razão.

Quando bons marketeiros se juntaram a grandes empresários…

Isso começou a ser usado nas campanhas das marcas que dominam nosso dia a dia.

Isso explica a explosão de consumo dos últimos anos.

E porque muitas pessoas compram por impulso e acumulam coisas.

Foram esses estudos das conexões cerebrais que circularam apenas entre quem podia pagar por eles…

Que revelaram nosso mais genuíno comportamento na hora de decidir positivamente por uma compra.

Os testes neurais demonstravam não ser necessário passar especificações técnicas ou fazer longas contas na frente do cliente.

Era muito mais fácil seduzi-lo com o jogo de palavras que o faria se sentir encantado com aquele produto…

Seguro de que estava fazendo uma boa escolha…

E ignorando qualquer sinal de alerta da razão.

Dessa forma o cliente deixou de reclamar do preço…

E passou a quase que implorar ao vendedor que parasse de falar e lhe vendesse o produto.

Todo este processo possui embasamento científico.

Foi exatamente isso que descobri em minhas pesquisas ao reunir as mais infalíveis técnicas de vendas.

E há um método para se fazer isso...

Para chegar ao método eu tive que estudar pesquisas variadas, porém os estudos eram todos internacionais...

Senti a necessidade de estudar e pesquisar o mercado brasileiro.

E logo estava realizando meus próprios testes em diferentes tipos de produtos e mercados.

Dessa forma pela primeira vez eu pude validar um método 100% nacional…

Porém capaz de vender em qualquer parte do mundo.

Assim nasceu o Método VMH - Vender Mais Hoje



Com técnicas cientificamente comprovadas, capazes de influenciar positivamente as decisões de compra.

Ele te dá o poder de:

  • Atrair o cliente ideal com técnicas bem diferentes das tradicionais;
  • Despertar nele o forte desejo de ter acesso ao que você está oferecendo;
  • Colocar na mente do cliente respostas prontas para perguntas que ele ainda nem fez.
  • Saber o jeito certo ter suas vendas realizadas pelo melhor preço, não precisando cair em negociações com descontos.

Tudo isso de forma tão simples que pode ser usado em qualquer negócio.

Hoje posso provar que não é difícil de convencer alguém quando se conhece as palavras certas…

E a ordem exata como elas devem ser colocadas.

Por isso você pode aplicar o Método Vender Mais Hoje no seu negócio.

E ganhar muito mais clientes em um mês do que ganharia em 1 ano sem o método.

Sem risco de perder tempo com ações que não funcionam.

Sem arriscar seu dinheiro com investimentos em propagandas água com açúcar.

Sabendo atrair o potencial comprador, aquele que comprará sem pedir descontos…

E vendendo diariamente, o que manterá sua equipe super motivada.

Por isso o método é ideal para realizar vendas contínuas...

Porque ativa um desejo forte no comprador.

Retirando do vendedor e da empresa, aquela posição de quase que implorar insistindo ao cliente que compre.

Deixando de receber o rótulo de ser chato e inoportuno.

E passando a experimentar como é bom viver na posição inversa, quebrando o padrão histórico.

Tendo agora o cliente implorando pelo seu produto ou pelo seu atendimento.

Porque você já sabe o que deve dizer criando o desejo irresistível que o impulsiona a comprar.

Como em jogo de sedução entre um casal, onde em um dado momento um faz o convite para jantar.

E ali se inicia toda a persuasão com frases e comportamentos que despertem o desejo do outro.

Ou como dois adversários em um jogo de xadrez.

Onde a cada jogada um já está prevendo a reação do adversário e conduzindo aquela situação para o xeque mate.

A comunicação para se convencer alguém de algo, precisa da dose exata de agressividade e ser altamente persuasiva.

Isso está muito claro no método que desenvolvi, e que nos últimos anos
pude aprimorar com minha equipe.

Foi com esse método que aqueles meus clientes iniciais rapidamente geraram os resultados que te mostrei

E que fizemos mais de meio milhão de reais já nos 3 primeiros meses de trabalho

E também dessa forma, que algumas das maiores fortunas do mercado empresarial foram criadas.

Assim como na natureza onde os animais seguem os líderes…

E aprendem a  imitar seu comportamento para sobreviver e um dia se tornarem líderes também.

Todo empreendedor inteligente segue o comportamento de grandes empresários.

Afinal, obter retorno financeiro e reconhecimento social como um grande empresário exige profissionalizar-se como eles!

E pode observar como esses empresários apresentam uma característica em comum:

São altamente persuasivos quando falam de seus negócios.

Agora que você conheceu um método REALMENTE capaz de gerar resultado como os dos grandes empresários.

Está diante do segredo que te permitirá chegar ao topo do reconhecimento como empreendedor de sucesso…

Ou mesmo, se você está apenas começando, enquanto lê essa carta…

O método pode te fazer ser capaz de pular estágios!

Talvez você esteja se perguntando algo do tipo:

“Ok. Esse negócio de persuadir decisões de compra parece interessante! Mas e eu, aqui no meu negócio, como faço para seguir o que grandes empresários também fazem?!”

Você precisa de um sistema coerente como este.

Um passo a passo simples para já colocar em prática as primeiras ações.

Não sabemos por quanto tempo essas técnicas farão tanto efeito. Na verdade, ninguém sabe!

Para você ter uma ideia vou te dar o exemplo do que fizemos no caso da Paula.

Ela precisava de clientes porque seu buffet estava com dificuldades após perder o contrato de coffee break de uma empresa de treinamentos.

A Paula não sabia mais a quem recorrer e foi conversar com uma amiga que passou a ela meu telefone.

Pelo WhatsApp eu identifiquei o grau de preocupação que ela estava e logo a tranquilizei.

Fiz isso porque confio 100% no método e sabia que rapidamente a vida dela mudaria quando aplicasse meus ensinamentos.

Conversei com a Paula mostrando como deveria agir dali por diante.

Ensinei a ela a técnica do Cliente Ideal e como atrair a atenção das pessoas quando você fala.

Também a disse o seus funcionários deveriam falar ao atender clientes por telefone.

E o principal…

Mostrei a ela como vender sem jamais depender de cometer um erro fatal:

Que é dar descontos.

Devido a este único e perigoso erro…

Empresas enfrentam problemas, pois além de reduzir sua margem de lucro, viciam o cliente a depreciar seus produtos.

Após a nossa conversa ela se sentiu muito mais segura para negociar seus serviços.

Logo ela não perdia mais nenhuma disputa para a concorrência.

O número de vendas subiu tão rápido que precisou aumentar a equipe.

Tudo isso graças ao Método VMH.

Que funciona mesmo que você tenha pouco ou nenhum conhecimento de técnicas de vendas e marketing!

E você nem precisa de tanto treinamento assim para começar a aplicar o código.

Pra você ter uma ideia…

A Paula quase morria de vergonha na hora de conversar com os clientes.

Era tímida e acreditava que não sabia vender.

Em apenas uma semana ela se transformou na melhor vendedora da sua empresa.

Nada no cenário externo mudou.

A empresa continuava com os mesmos serviços.

Atendendo aos mesmos clientes.

No mesmo mercado.

Porém, Paula agora era outra pessoa.

Ela sabia o valor do que tinha em mãos, sentia-se segura por poder contar com os recursos de uma comunicação que gerava desejo.

Tinha frases prontas, respostas cheias de palavras persuasivas já planejadas para perguntas que sabia que seriam feitas.

Ela se sentia até mais inteligente.

Mas como conseguir agir como a Paula e ter reconhecimento das pessoas ao seu redor pelo seu sucesso?

Você pode acreditar que o Método VMH é mais rápido do que todos os outros métodos de vendas que você já viu.

Você terá ganhos financeiros rápido
e sua empresa logo crescerá.

Só que não mais implorando pro cliente comprar

Ou dependendo do desempenho do grande vendedor que você contrata e que pode ir embora.

Mas ainda assim, muitas podem pensar:

"Se o seu método faz mesmo tudo isso, porque é que você está me contando?"

"Porque compartilhar seu segredo de negócios com mais pessoas e não continuar gerando vendas a clientes indicados e cobrar mais por isso?”

Perguntas como estas aparecem todos os dias.

E a resposta é simples:

Afinal...“Por que não?”

Por que eu deveria deixar que empreendedores como eu…

Que passam uma vida buscando a melhor performance nos negócios…

Que sonham em dar a seus filhos algo melhor que tiveram…

Devam continuar se ferrando sem encontrar uma solução para seus problemas?

Por que não mostrar para mais homens e mulheres batalhadores…

Uma ferramenta que lutei tanto para desenvolver em estado de excelência?

Para ser bem franca com você…

Eu decidi estender a minha a todo empreendedor que precisar de mim.

E do meu conhecimento.

Da minha experiência.

E na minha essência trago o compromisso com a constante evolução.

Isso significa que eu e minha equipe trabalharemos a cada dia…

Para deixar o processo de crescimento de um negócio cada vez mais sólido.

E para isso, quanto mais empreendedores juntos no mesmo barco…

Melhorando suas vendas e compartilhando seus resultados…

Mais empreendedores irão se encorajar a ter um negócio milionário.

Seremos uma grande rede de apoio, unidos pelo desejo de fazer nossas empresas estarem entre as maiores.

Utilizando a comunicação persuasiva para correr menos risco e lucrar mais.

Agora, você deve escolher rápido... De que lado você quer estar?

E assim que você o fizer, eu preciso te dar um aviso:

Nos primeiros dias você já vai ver
MUITAS coisas mudando!

Pode ser que você já não seja mais visto da mesma forma por seus familiares, colegas de trabalho…

E até mesmo por seus amigos, depois que aprender isso.

E não, eu não estou exagerando ao te falar que talvez, mesmo as pessoas que convivem contigo diariamente…

Comecem a perguntar o que aconteceu que você está transmitindo mais segurança, parecendo ser mais forte.

E uma ligação que em pouco tempo você provavelmente receberá será a da gerente do banco te perguntando:

“O que é que você tá fazendo?"

"Como você está movimentando tanto essa conta?”

E isso é só o começo…

Sempre vai ter alguém querendo saber se você está no caminho certo.

Mas pode confiar que estou te mostrando o melhor caminho.

Você definitivamente encontrou uma forma de subir com segurança o seu faturamento.

Independente:

  • Do que qualquer outra pessoa sem resultados mensuráveis diga;
  • De ter pouca ou muita quantidade de dinheiro para investir;
  • De nunca ter feito um único curso de vendas ou de marketing…

Chegou a sua vez!

Conheça agora o Método VMH, que a partir de hoje te fará vender mais todos os dias!

>> CONHEÇA AGORA O MÉTODO VENDER MAIS HOJE! <<(Clique e continue lendo)